9 de set de 2011

Veja o mapa das manifestações contra a corrupção programadas para o Dia da Independência em 35 cidades



Veja o mapa das manifestações contra a corrupção programadas para o

************



“O movimento, insista-se, ainda engatinha. Mas parece bastante saudável, comprovou a primeira aparição pública. Quem viu o ato de protesto na Avenida Paulista pôde contemplar o universo da novíssima geração de brasileiros ─ um fascinante universo que a imprensa não enxerga e os políticos de todos os partidos desconhecem. Predominantes na multidão, os jovens  insatisfeitos com o Brasil sangrado pela bandidagem de estimação precisaram de apenas um dia para escancarar as rugas, a flacidez, a velhice irremediável de entidades, instituições, indivíduos, teorias ou conceitos que, até a véspera, conseguiam disfarçar tamanha decrepitude. Essas coisas e essa gente foram dormir neste século. Acordaram (ou permanecem de olhos fechados) num século 20 que nunca pareceu tão remoto.”

“A anunciação da primavera brasileira transferiu para o museu das antiguidades sem serventia os que subestimam o poder de fogo da internet, os que duvidam do interesse dos moços por questões nacionais e os que não admitem a existência de gente politizada fora dos partidos. Não chega a 20 anos a idade média dos organizadores dos protestos que, ignorados pela imprensa, reuniram milhares de manifestantes mobilizados por redes sociais, sites e blogs. Confrontados com o frescor, a sinceridade e a independência dos jovens em guerra contra a corrupção, os matusaléns arrendados  da União Nacional dos Estudantes Amestrados foram remetidos ao mausoléu dos pelegos. (Em 1992, a antiga UNE, então liderada pelo agora senador Lindbergh Farias, exigiu o impeachment do presidente Fernando Collor. Hoje reduzidos a amigos de infância, Lindbergh e Collor passaram a quarta-feira fingindo que não eram também destinatários dos duros recados emitidos pela voz rouca das ruas).” Por augusto Nunes

Leia o artigo completo em:



Nenhum comentário :

Postar um comentário

comentário aguardando moderação